Tenho interesse em

mostrar menos

Entre em contato

(43) 3361-4000

CRECI 22.221

Busca de Imóveis

O que esperar do mercado imobiliário em 2017?

12 de janeiro de 2017

Você Está Preparado Para A Retomada Do Mercado Imobiliário Em 2017?

  

Nos últimos anos, o mercado imobiliário sentiu fortemente os impactos da crise econômica no país, enquanto se equilibrava para manter as vendas e minimizar o impacto desta retração. O setor também tem vivido um momento de muitas expectativas e especulações quanto ao futuro, e neste cenário, o protagonista é o corretor de imóveis. Em momentos de crise, sua atuação é uma oportunidade de colocar suas habilidades em prática, e é onde separamos os profissionais medianos dos profissionais excelentes.

Outro ponto que podemos citar é o fortalecimento do setor de aluguel, muitas vezes antes negligenciado, mas que ganhou destaque quando a receita recorrente da taxa de administração manteve muitas imobiliárias de portas abertas.

Nosso objetivo com este artigo é fazer uma breve análise do cenário atual do mercado imobiliário, entender quais são as expectativas dos especialistas e pontuar algumas dicas para se preparar para o próximo ano.

Cenário atual

O ano de 2016 está quase no fim, e os números nos mostram um crescimento tímido, mas sem retração.

Considerando-se os últimos 12 meses, o Índice FipeZAP  mostra um ligeiro crescimento (0,33%). Já a inflação, teve um recuo de 10,7% em 2015 para 7,2% em 2016, além da queda das taxas de juros. Estes números já são suficientes para que o setor imobiliário projete uma retomada mais vigorosa das vendas em 2017. A projeção também é confirmada pelo Relatório Trimestral de Inflação (RTI) divulgado pelo Banco Central, com previsão de crescimento em 50% por conta da abertura de novas unidades e a oferta de novos créditos imobiliários.

Aluguel

Mesmo diante da atual crise, o setor de locação se mostrou resistente e continua sendo uma fonte de receita para as imobiliárias.

Um levantamento do portal imobiliário VivaReal mostra que a demanda por aluguel no Brasil cresceu 32% de maio a setembro deste ano.  Lucas Vargas, vice-presidente executivo do VivaReal afirma que, com as mudanças constantes nas regras de financiamento, o brasileiro vê no aluguel uma solução de moradia a curto prazo enquanto tenta entender o cenário do mercado imobiliário. “Ao assinar um contrato de dois anos e meio ele pode observar melhor o mercado até se sentir seguro para a compra”, comenta.

O que esperar do mercado imobiliário em 2017?

Os número atuais, mesmo que pequenos, estão criando boas expectativas para o próximo ano. A inflação recuou de 10,7% em 2015 para 7,2% em 2016. Já em 2017, a previsão do mercado financeiro é de 5,07%, conforme o relatório. As perspectivas de melhora também são influenciadas pelas expectativas de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), que segundo o Banco Central deve crescer 1,3% em 2017. Já o Fundo Monetário Internacional (FMI) estima avanço de 0,5%.

Outro ponto que animou o mercado, foi o anúncio da Caixa Econômica Federal com uma série de medidas buscando incentivar o mercado imobiliário brasileiro. As medidas consistem na redução da taxa de juros de 0,25% ao ano, na aquisição de imóveis novos e usados, além de melhorias nas condições de financiamento junto ao banco. O setor acredita que a redução em 0,25% não irá mudar o cenário atual, mas sinaliza um movimento positivo do governo na recuperação da economia. O banco também aumentou o limite de financiamento da casa própria, de 80% para 90% do valor do imóvel, para mutuários que aceitarem receber salário pelo banco.

“O Brasil viverá em 2018 o início do maior ciclo de prosperidade de sua história”

Na avaliação de Eduardo Tevah, um dos palestrantes mais renomados do país,o Brasil já chegou ao “fundo do poço”, e muitos que achavam que haveria um alçapão não o encontraram. “A boa notícia, por tudo o que a gente está acompanhando, é que o pior já passou”, afirmou. Não significa que já está bom, mas já se viverá um final de 2016 com sinais claros de retomada do crescimento econômico, indicou. Para ele, 2017 será bom e 2018 será marcado pelo início de uma era de prosperidade jamais visto na história do Brasil.

Esta é a visão do palestrante a partir de suas viagens pelo Brasil e contato com os maiores economistas do País. “O mercado está vendo isso de forma bem clara, e por isso empresários e trabalhadores precisam estar preparados para aproveitar esta onda e surfar na prosperidade.”

Como se preparar

Diante de uma visão otimista da retomada do mercado imobiliário em 2017, você acredita que sua empresa está preparada? Separamos algumas dicas para que você esteja pronto para esta volta por cima:

Planejamento: Planejamento é alma do negócio, e não existe época melhor para isso do que agora. Não deixe para resolver nada depois! Aproveite a baixa comum do fim de ano e dedique seu tempo para planejar o próximo ano. O que precisa ser feito? O que precisa mudar? É hora de reunir os líderes da empresa e discutir planos, metas e ações para o próximo ano.

Equipe: Uma equipe afinada e proativa pode ser responsável por verdadeiras inovações na hora da venda. Aproveite este período para rever como está sua equipe, analisar os indicadores do ano, comparar resultados entre corretores. Para isso, você precisará do histórico mensal do desempenho de cada um. Outra dica importante é investir em treinamentos. Se não tiver uma verba para investir em treinamentos específicos, faça parcerias com outras imobiliárias ou use os próprios fortes da sua própria equipe para que eles treinem uns aos outros. O importante é começar 2017 com uma equipe de ponta, motivada e preparada para buscar o sucesso juntamente com sua empresa.

Tecnologia: Se você está pensando em implantar um sistema em sua imobiliária ou até mesmo substituir o que você está usando, a hora é agora. Assim, você tem tempo de fazer a implantação e treinamento com calma, já que este é um período com menos procura de atendimentos. Desta forma você também já começa o ano preparado para utilizar esta nova tecnologia.

Aproveite também para analisar outras tecnologias para sua imobiliária. Já conhece as fotos 360º? Existem também diversas ferramentas tecnológicas que podem facilitar muito o dia a dia de corretores de imóveis. Pesquise tendências e veja o que você pode utilizar para inovar no próximo ano.

Marketing: Como estão suas estratégias de marketing? Como você está divulgando seus imóveis? Já possui um site responsivo preparado para que seus clientes acessem pelo celular? Investe em portais e redes sociais? Este é um excelente momento também para analisar o que você tem feito, checar a efetividade das mídias que investe.

Conclusão

Muitas imobiliárias não resistiram à crise econômica que passamos, mas as que sobreviveram estão mais fortes.  Com as expectativas otimistas para o próximo ano, se preparar para o que está por vir é uma atitude estratégica e que pode garantir bons resultados.

O último trimestre do ano é um excelente momento para avaliar seus resultados, planejar e investir nas ações que serão feitas no ano que está por vir. Você também quer estar preparado para a retomada do mercado imobiliário em 2017? Fale com nossos especialistas em gestão imobiliária e veja como podemos ajudar.


www.casasemcondominiolondrina.com.br


 

Fonte: http://publicidadeimobiliaria.com/a-retomada-do-mercado-imobiliario-em-2017/